Archive for the ‘estudos científicos’ Category

7 dicas científicas para a saúde!

science_in_food_500

 

1) Segundo a Revista Cientifica, Diabetes Care, consumir refrigerantes aumenta o risco de desenvolver Diabetes tipo II em 26% e este mesmo estudo coloca que o risco de desenvolver esta patologia pode ser de 5%  mesmo consumindo apenas 1 lata (350ml). Beba água e suco naturais! 

 

2) Segundo a Nutrition and Metabolism, o consumo de azeite de oliva extra virgem protege o fígado do estresse oxidativo causado pelo excesso de radicais livres imposto ao nosso corpo diariamente e danificam nossas estruturas celulares comprometendo o equilíbrio orgânico e favorecendo o aparecimento das doenças. Acrescente azeite de oliva extra virgem com 1 % de acidez em suas saladas!

 

3) Segundo estudo realizado na University of Adelaide, na Austrália, consumir cápsulas de alho durante 12 semanas, reduziu bastante os níveis de pressão sanguínea, sendo a dose de 960mg utilizada neste estudo.

 

4) Gorduras mono-insaturadas encontradas no abacate, nas nozes e no azeite de oliva aumentam o colesterol HDL (o bom colesterol) (Canadian Medical Association Journal). Acrescente nozes às suas refeições ou nos lanches intermediários. Dica: faça um mousse diferente! Bata abacate, mel e cacau no liquidificador e leve à geladeira por 2 horas! Fica uma delicia!!

 

5) A curcuma ou açafrão pode prevenir o risco de câncer no fígado. Acrescente cúrcuma no arroz cozido ou no tempero do frango (Nutrition and Metabolism).

 

6) Mulheres transpiram menos que homens quando se exercitam, mas nem por isso podem se descuidar com a hidratação. Durante o exercício, a recomendação do American College of Sports Medicine é garantir de 150 a 200ml de água a cada 15-20 minutos (Experimental Physiology). Beba água!

 

7) Pensamento positivo é tão importante como a educação para ter uma boa saúde, diz um estudo da Health Psychology. Controle sua mente e não fique doente!

 

Bem Estar e Saúde Consultoria Nutricional

Tatyana Dall’ Agnol (email: dagnol@terra.com.br)

Mestre em Atividade Física e Saúde (UCB/DF)

Especialista em Nutrição e Metabolismo (UNIFESP/SP) E Nutrição para o Fitness e Alto Rendimento (UNIFOA/RJ)

Anúncios

CONSUMO DE OLEAGINOSAS E SAÚDE

frutas-oleaginosas 

Estudos recentes sugerem os efeitos benéficos do pistache, nozes e amêndoas para saúde (2014 European Congress on Obesity). E que o consumo de nozes pode proteger o desenvolvimento de diabetes tipo 2 em indivíduos predispostos.

 

Estudos conduzidos com 49 indivíduos com sobrepeso ou obesidade, demonstraram que o consumo de 57g de pistache diariamente por 4 meses reduziu significativamente a glicemia, insulina e a resistência a insulina. Vale colocar ainda que não houve mudança ponderal (peso) nos indivíduos pesquisados (Medscape Medical News).

 

Em estudo realizado com 137 adultos com risco elevado para diabetes e que consumiram 43g de amêndoas por dia, durante 4 semanas, foi verificado que o grupo que consumiu as oleaginosas demonstrou menos fome, maior saciedade, sem ganho de peso em comparação com grupo que não consumiu.

 

Oleaginosas, como as nozes, têm sido associadas com a prevenção do risco de doença coronária através da redução nos níveis do LDL colesterol, triglicerídeos e nos níveis de glicose. Nos estudos realizados com diabetes tipo 2, foi verificado redução da glicose pós- prandial e insulina.

 

Além de serem alimentos com alta densidade nutricional decorrente do perfil lipídico, oleaginosas, como o pistache, são ricas em anti-oxidantes como catenóide.

 

Portanto, a inclusão de oleaginosas (nozes, castanhas, amêndoas, pistaches, macadâmia, etc) diariamente faz parte de uma dieta saudável.

 

Tatyana Dall’Agnol

Benutry Consultoria Nutricional

CAFÉ DA MANHÃ DOS CAMPEÕES

café-da-manha-6

 Bom Dia! Aposte no café da manha para repor as energias e começar o dia no maior gás e disposição!

 

Não subestime a primeira refeição do dia, pois garantindo um bom café da manhã o seu dia irá acabar melhor ainda! Pesquisas revelam que quando se inicia o dia com um desjejum balanceado, a tendência é optarmos por melhores escolhas nutricionais ao longo do dia! Além disso, especialistas afirmam que esta é a principal refeição do dia, pois como durante o sono o corpo utiliza as reservas de nutrientes e energia para manter o adequado funcionamento dos órgãos e a temperatura corporal, um bom desjejum, funciona como combustível e evita sensação de mal-estar, dor de cabeça, cansaço, queda do açúcar no sangue (hipoglicemia) e ótimo rendimento intelectual.

 

Portanto, abasteça seu corpo com uma alimentação equilibrada e completa. Para isso, consuma todos os grupos alimentares como carboidratos (pães, biscoitos integrais e mel), proteínas (leite e derivados, ovos), fibras (cereais matinais) e vitaminas, minerais e antioxidantes (frutas e sucos de frutas).

 

  • CAFÉ DA MANHA PARA PRATICANTES DE ATIVIDADE FÍSICA

– 2 torradas de pão integral ou de grãos

– 4 colheres de sopa de ovos mexidos

– ½ papaya com um fio de mel

– 1 xícara de café

 

  • CAFÉ DA MANHA PARA ANTES DO TREINO DE CORRIDA

– 1 copo de leite desnatado ou iogurte zero ou light

– 1 porção de salada de frutas vermelhas (morango, melancia, uva) com 1 colher de sopa de aveia + 1 colher de sopa de granola ou farinha de linhaça dourada

– 2 fatias de pão de forma 7 grãos com requeijão ou cream cheese lights

– 1 xícara de café

 

  • CAFÉ DA MANHA PARA ANTES DA PROVA

– 2 fatias de pão de forma branco

– 1 colher de sopa de mel ou geléia

– 1 fatia de bolo simples (sem recheio e sem cobertura)

– 1 iogurte light ou desnatado

– 1 copo suco de frutas diluído com água (de preferência natural ou de polpa)

– 1 xícara de café

 

Dica da nutricionista: se você não tem fome pela manhã, comece aos poucos. Comece ingerindo, pelo menos, 1 torrada ou 1 porção de salada de frutas ou 1 copo de suco de uva integral ou 1 copo de repositor energético antes de iniciar o treino. Com o tempo se corpo se acostuma!!

 

 

Benutry Consultoria Nutricional

 

 

Buletim Científico: Selênio, Cálcio, Ácido fólico e Café!

– O selênio é um mineral fundamental para preservar a integridade do sistema imune. Entretanto, é consenso que atualmente o seu consumo é deficiente pela a população. No corpo, este mineral auxilia na proteção de macrófagos (células do sangue que englobam vírus, bactérias e outras substâncias estranhas). Estudos demonstram que uma dieta rica em selênio exerce um efeito positivo no sistema imune. Pode ser encontrado em alimentos como: semente de girassol, farelo de trigo, castanha-do-Brasil e frutos do mar (University of Liverpool).

 

– O consumo de cálcio auxilia na prevenção do ganho de peso em mulheres. Estudo publicado no Journal of the American Dietetic Association revelou que o consumo de cálcio, nas quantidades recomendadas, tem impacto positivo na manutenção do peso em mulheres de meia idade. O estudo foi realizado com 1000 mulheres entre 53 e 57 anos. Portanto, não deixe de incluir alimentos fontes deste mineral na sua alimentação diária: leite e derivados, salmão, sardinha, hortaliças verde-escuras (brócolis, couve, rúcula), repolho crespo, couve-flor, figo seco, ameixa seca, amêndoas, bacalhau.

 

– Estudos revelam que o consumo de ácido fólico pode melhorar a resistência do corpo ao câncer. O desenvolvimento de câncer está associado a erros no código genético. Entretanto, o consumo diário de ácido fólico pode minimizar o risco de desenvolver alguns tipos de câncer como de mama, pâncreas e pulmões, uma vez que mantém a integridade do DNA, bem como contribui para reparos genéticos, sendo estes reparos cruciais para manutenção da estabilidade genômica. Alimentos fontes de ácido fólico: vegetais verde-escuro (especialmente espinafre, aspargo e brócolis frescos), ovos, cereais e pães integrais (British Journal of Cancer).

 

– Pesquisas revelam que o consumo de café (5 a 6 xícaras/dia) parece reduzir o risco de desenvolvimento de diabetes em mulheres. Os benefícios são provenientes dos antioxidantes da bebida que possuem estrutura química semelhante a das uvas e blueberries, frutas ricas em antocianinas que são potentes antioxidantes (American Chemical Society).

Tatyana Dall’Agnol –

Benutry Consultoria Nutricional

Bisfenol A é proibido!

BISFENOL A – substância tóxica ao organismo humano presente em plásticos e enlatados é proibida na Califórnia.

O governo da Califórnia sancionou ontem um projeto de lei de autoria da senadora Frav Pavley que proíbe o bisfenol A (bpa) em mamadeiras e copos infantis. A senadora vem desde o ano passado propondo leis para banir o químico das embalagens de plástico e lata. O BPA é um químico desregulador endócrino utilizado na fabricação de mamadeiras, copos infantis, fórmula para bebês e enlatados de alimentos e bebidas.

Ele já foi associado a puberdade precoce, obesidade, câncer de mama, mudanças comportamentais e neurológicas incluindo o autismo e a hiperatividade. De acordo com Pavley essa foi uma vitória significativa. “Estou muito feliz que o governador Brown tenha escolhido proteger a saúde das crianças em vez de ceder ao lobby da indústria química”, disse.

Nos últimos três anos, a senadora vem trabalhando na proibição do bisfenol A em produtos alimentícios. Em 2010, Pavley propôs um primeiro projeto de lei bem mais abrangente. Mas a indústria química gastou milhões de dólares no lobby contra o projeto e ele acabou vetado. O novo projeto de lei aprovado ontem não contempla, por exemplo, embalagens de fórmula para bebês. “Foi uma verdadeira luta de David e Golias. Eu gostaria que a lei fosse mais restritiva, mas também estou feliz que estamos dando os primeiros passos para proteger dos efeitos negativos do bisfenol.”

A lei proíbe a partir de julho de 2013 a fabricação, venda e distribuição de mamadeiras e copos infantis que contenham até 0,1 partes por bilhão de bisfenol A. A medida também exige que fabricantes utilizem alternativas menos tóxicas na substituição do bisfenol A.
A Califórnia agora se junta a Connecticut, Maryland, Massachusetts, Minnesota, New York, Vermont, Wisconsin e o estado de Washington, além de muitas outras cidades americanas que proibiram o bisfenol A em mamadeiras e copos infantis. O BPA também já foi proibido no Brasil, Canadá, China, Malásia, União Europeia e Costa Rica.

Canadá – O governo canadense anunciou na semana passada que investirá quinhentos milhões de dólares em pesquisas sobre químicos usados em produtos comuns – como recipientes plásticos, roupas, produtos de limpeza, eletrônicos e baterias -, para determinar se eles são seguros para humanos e o meio ambiente. O resultado das pesquisas ajudará o governo a determinar se é necessária uma nova regulamentação ou proibição do uso de químicos nesses produtos.

Campinas – A Câmara Municipal de Campinas realiza em plenário, no dia 7 de outubro, às 14h, evento para esclarecimentos sobre o Projeto de Lei nº 342/2011, que proíbe a comercialização de mamadeiras, chupetas e outros produtos utilizados para acondicionar alimentos e/ou bebidas destinados ao consumo de crianças, adultos e animais, que contenham na sua composição o produto químico bisfenol A (BPA), no âmbito do município de Americana.

O encontro conta com o apoio da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia-Regional São Paulo (SBEM-SP) e do site “O Tao do Consumo”. Na ocasião, serão ministradas palestras das profissionais Dra. Elaine Costa, médica, professora e membro do Grupo de Trabalho em Desreguladores Endócrinos (GTDE) da SBEM-SP, Dra. Laura Sterian Ward, RA, Livre-Docente em Clínica Médica pela Faculdade de Ciências Médicas (FCM) da Universidade Estadual de Campinas – UNICAMP, professora Associada nível MS-5 da UNICAMP e Chefe do Laboratório de Genética Molecular do Câncer da FCM. Presidente do Departamento de Tiróide da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia e representa o Brasil na World Thyroid Federation e Fabiana Dupont, pesquisadora e uma das criadoras do site “O Tao do Consumo”, que discute a presença de químicos tóxicos em embalagens de alimentos.

DEBATE PÚBLICO “BISFENOL-A PERIGO PRESENTE” 07/10/2.011, ÀS 14 HORAS
CÂMARA MUNICIPAL DE CAMPINAS AV. ENG. ROBERTO MANGE N.° 66, PONTE PRETA. (19) 3736-1680
canario@camaracampinas.sp.gov.br ou jairsoncanario@hotmail.com

Fontes:
North Hollywood Patch.com – 04/10/2011
Vancouver Sun – 03/10/2011